Coelhos Chinchilas

Coelhos Chinchilas

História

O coelho Chinchila é originário de França e surgiu no início do século XX. O seu nome provém da semelhança do seu pêlo com o roedor sul-americano, o Chinchila. Esta raça foi concebida com a ajuda de cruzamentos com coelhos Himalaias, Beverens e coelhos Agouti.

Surgindo nos anos 10, a sua popularidade começou a crescer por surgir em várias exposições, criando o interesse entre os vários criados de coelhos. Rapidamente tornou-se um coelho comercial de bastante sucesso, não só devido ao pêlo semelhante ao roedor Chinchila, mas também devido ao seu pêlo amadurar mais rapidamente do que acontece com outras raças.

Ainda nos anos 10 o coelho Chinchila chegou à Grã-Bretanha e Estados Unidos, onde foram desenvolvidas as variedades Chinchila americano e Chinchila gigante. Hoje em dia a sua popularidade é maioritariamente como animal de estimação e de exposição.

Descrição

Rondando entre os 2,5 kg e os 3 kg, o Chinchila dispõe de um tamanho médio com um físico compacto, pescoço curto e cabeça ampla com pequenas mas erectas orelhas. O seu pêlo e bastante suave, de tamanho médio e a cor assemelha-se, como já dissemos, ao roedor com o nome da raça.

Esta raça de coelhos é excelente para qualquer tipo de dono. São coelhos dóceis, gentis, inteligentes e sempre com vontade de brincar. Gostam de companhia e atenção, mas não desesperam se ficarmos algumas horas sem lhes dizermos nada como acontece com outras raças.

Por este motivo, dão coelhos bastante apropriados para qualquer tipo de casa (seja apartamento, vivenda com quintal…) e também são óptimos companheiros para crianças, desde que estas sejam educadas a tratarem bem deste amigo.

Gaiola

Os coelhos Chinchilas, um pouco como qualquer raça de coelho, requer de algum espaço para que se possam mexer livremente na gaiola. E quanto maior forem, mais espaço necessitam. Uma gaiola enorme, no entanto, não retira a necessidade do coelho ter de sair da gaiola para fazer algum exercício com mais liberdade do que a sua gaiola permite.

Algo muito importante a dizer é cometer o erro inocente de adquirir gaiolas para Chinchilas (o roedor) para colocar coelhos Chinchila. Isto é completamente errado, pois estas gaiolas para os roedores são concebidas para que sejam trepadas por eles.

Para além disso, a grande maioria destas gaiolas dispõem de dois ou mais andares, e os coelhos, ao contrário dos Chinchilas originais, não são trepadores, logo nunca irão usufruir desse espaço na vertical. O ideal é que a gaiola seja uma adaptada para coelhos e que seja grande na horizontal.

Cuidados

Existem alguns tipos de Chinchilas distintos, sendo que a característica que varia mais é realmente o seu tamanho. E consoante o tamanho, as suas necessidades também vão variando um pouco.

Pegando nesse mesmo conceito, podemos dizer que as variedades de Chinchilas de maior porte requerem de mais cuidados especiais do que as variedades mais pequenas. Por exemplo, um Chinchila de porte maior requer mais espaço tanto dentro como fora da gaiola para fazer exercício.

As necessidades do Chinchila também aumentam com o tamanho quando falamos na necessidade de alimentação. Um chinchila maior querem mais água e comida do que um Chinchila mais pequeno, mas isso não quer dizer que nos devemos exceder ou negligenciar. É importante ter a certeza que estamos a fornecer a quantidade certa, e para isso temos alguns artigos sobre cuidados e alimentação dos Chinchila que ajudarão a criar a dieta perfeita.

Compártelo en tu red social:
Más en Animais - Coelhos:
Aviso legal Contacto Google+ Facebook